Envolvidos na morte do prefeito de Maraã já estão presos

Envolvidos na morte do prefeito de Maraã já estão presos

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) prendeu três suspeitos do homicídio do prefeito de Maraã, Cícero Lopes da Silva.

Os infratores foram identificados como Lázaro Moraes de Assis, 40; Aldemir Alves de Freitas, 40 e Marcos Aleksandro Praiano da Silva, 25. O suspeito de ser autor do tiro, Admilton Gomes de Souza, 32, conhecido como “Zé da Irene” continua foragido.

O secretário de segurança Sergio Fontes, informou a nossa reportagem que Lázaro e Adimilton são parentes do vice-prefeito de Maraã, Luiz Magno Moraes (PT).

O comandante da Polícia Militar, coronel James Frota,eitas e que é questão de horas até que “Zé da Irene” seja preso.  “Nós estamos fazendo buscas nas comunidades para tentar encontrar o matador, ali são muitas comunidades indígenas e estamos fazendo buscas tanto no caminho de quem vai para o Irapurã, como quem vem em direção à foz do rio Japurá, toda essa área está policiada procurando essa pessoa. Os suspeitos presos não falaram ainda o que motivou o crime, mas tudo esta a nível da investigação local”, disse.

O comandante ainda informou que um dos acusados é dono do posto de gasolina da cidade, o outro é gerente do posto de gasolina e o terceiro é envolvido com venda de material de construção”,mas não soube relacionar os nomes as atividades de cada um.

O vice-prefeito não quis falar com a nossa reportagem para comentar as prisões.

Os suspeitos devem chegar na manhã deste sábado em Manaus, pois a aeronave que trazia os suspeitos teve problemas técnicos e o voo foi adiado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *