Governador Wilson Lima começa a receber prefeitos do Amazonas para discutir problemas e propor soluções

11 de fevereiro de 2019 19:470 comentários

Logo que assumiu, Wilson Lima assegurou que receberia os prefeitos para ouvir as demandas e discutir soluções para as áreas de saúde, educação, segurança, dentre outras. A agenda começou já no segundo mês de governo

O governador Wilson Lima começou a receber, nesta segunda-feira (11/02), na sede do Governo do Estado, na Compensa, zona oeste de Manaus, os prefeitos dos 61 municípios do Amazonas. Um cronograma de reuniões foi montado junto com a Chefia de Gabinete de cada prefeitura, para que os gestores possam se programar e se deslocarem até à capital.

Até abril, todos os dias, o governador terá um horário da sua agenda reservado para as reuniões com os prefeitos do interior. Os encontros foram agendados por regiões de calha de rio. Ao todo, são 11 regiões: do entorno de Manaus, do Médio Amazonas, do Juruá, do Purus, do Baixo e Médio Solimões, do Solimões, do Alto Solimões, do Baixo Amazonas, do Madeira e do Rio Negro.


“Estamos pedindo para que eles encaminhem as demandas, os principais problemas. Nós estamos fazendo levantamento, principalmente das obras que ficaram pendentes. Estamos, também, olhando com muita prioridade, a questão da saúde, da educação, da segurança pública e do setor primário”, disse o governador.
As reuniões contam com a participação dos secretários das mais diversas áreas do governo, como educação, saúde, segurança pública, meio ambiente, infraestrutura e assistência social. Cada pasta tem feito um levantamento dos dados sobre sua área nos municípios do interior.
Na manhã desta segunda-feira (11/02), Wilson Lima recebeu o prefeito de Rio Preto da Eva, Anderson José de Souza, que veio acompanhado do vice-prefeito, presidente da câmara e de vereadores. Durante a tarde, a reunião foi com o prefeito de Presidente Figueiredo, Romeiro Mendonça, o vice-prefeito, secretários e vereadores do município que também participaram.
O prefeito de Rio Preto da Eva entregou ao governador um relatório da situação do município e uma lista de pedidos que vão desde a reforma do hospital e de escolas estaduais até a construção de um heliporto, que permita o socorro rápido de vítimas de acidentes de trânsito. “É a primeira vez que eu vejo, de forma muito simples e dinâmica, um governador reunir todo o staff do município com os secretários do Estado e poder compartilhar a forma de administrar e fazer com que o município tenha uma segurança e uma estrutura administrativa. Eu parabenizo o governador Wilson, pela coragem e pela determinação. São poucas as pessoas que têm coragem de enfrentar os problemas”, disse Anderson Souza.
 
O governador destacou que, no caso de Rio Preto da Eva, é preciso avaliar a situação da rodovia AM-010, que hoje oferece riscos para quem trafega por ela. Além disso, ele destacou que já existe um projeto para construção de um heliponto no município.
 
De imediato, algumas medidas serão tomadas na área da saúde como revisão de contratos com fornecedores e com médicos, reabastecimento do estoque de remédios. Além disso, o governo quer melhorar a qualidade de ensino em Rio Preto da Eva que tem uma das maiores taxas de abandono no ensino médio. No setor primário, alguns projetos serão retomados, assim como na área de segurança pública.
Já o prefeito de Presidente Figueiredo solicitou parcerias do governo nas áreas de segurança pública, produção rural e educação. Na reunião foi discutida uma proposta de um projeto para impulsionar a qualidade da educação na zona rural de Figueiredo. “Uma bela iniciativa. Um governo que tem pouco mais de 30 dias já chama os prefeitos do interior para entender, para discutir os principais problemas que os municípios atravessam. A exemplo, nós trouxemos nossas demandas para o governador e o governador nos recebeu, de pronto, com todos os seus secretários e propôs parceria conosco”, comentou Romeiro Mendonça.
O governador destacou que, em Presidente Figueiredo, é prioridade levar o apoio técnico ao produtor rural e dar condições de trabalho para que o consigam produzir e aumentar os lucros. A recuperação de ramais também é um projeto que o governo vem avaliando. Wilson Lima disse ainda que em Presidente Figueiredo é prioridade garantir a segurança das atividades de mineração e que uma equipe vem acompanhando de perto o cenário das barragens no estado.
“Nos próximos dias, deve estar saindo um laudo técnico, feito por nossos técnicos. E também a gente está demandando isso do governo federal, que também é responsável pela fiscalização dessas barragens, para que dê tranquilidade para os moradores de Presidente Figueiredo”, disse Wilson Lima, ressaltando que a atividade de mineração é um assunto que também deve ser discutido com outros prefeitos.
Nesta terça-feira (12/02), o governador deve receber os prefeitos de Careiro da Várzea e Careiro Castanho, também da Região Metropolitana de Manaus.

Deixe um comentário


TEXTO

%d blogueiros gostam disto: