Indeferimento do MPE a denúncia contra a PMM é enfatizado por Bosco Saraiva

Indeferimento do MPE a denúncia contra a PMM é enfatizado por Bosco Saraiva

O líder do PSDB na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Bosco Saraiva, relatou durante pronunciamento no Pequeno Expediente desta quinta-feira (04) o indeferimento do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE/AM) a Notícia de Fato nº 7005/2016, que buscava apurar possível lesão ao patrimônio público municipal em decorrência de contratos celebrados entre a empresa D. de Azevedo Flores e o município de Manaus.

A solicitação de autoria do vereador de Manaus Waldemir José (PT), da legislatura de 2013-2016, e do deputado estadual José Ricardo Wendling (PT) foi indeferida e arquivada pelo promotor de Justiça Edgar Maia de Albuquerque Rocha. De acordo com os dados levantados pelo MPE não houve nenhuma irregularidade em contratos vinculados a empresa D. de Azevedo Flores, seja no contrato voltado a Central de Regulação do Programa SAMU 192, bem como no serviço destinado ao enfrentamento do mosquito Aedes Aegypti.

Para o parlamentar Bosco Saraiva a verdade veio a tona com a decisão do Ministério Público do Amazonas, confirmando a ideia do mesmo de que a solicitação não passava de oportunismo político, presente principalmente no período de eleição.

“O promotor arquivou o processo, restabelecendo especialmente a honradez da gestão da Prefeitura de Manaus, do secretário municipal de Saúde Homero de Miranda Leão e do prefeito Arthur Virgílio Neto. Faço questão de fazer esta comunicação do bem, da verdade, daquilo que desmonta mais uma farsa eleitoral promovida por aqueles que adoram jogar lama e manchar reputações. Não foi dessa vez que conseguiram manchar a reputação destes dois grandes representantes da nossa cidade”, relatou o deputado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *