Mais de 900 mil usuários ficam sem ônibus em mais uma paralisação em Manaus

Mais de 900 mil usuários ficam sem ônibus em mais uma paralisação em Manaus

Descumprindo a decisão da juíza do Trabalho, Eliane Leite Correa,  para que se fosse mantida a circulação de 100% da frota de ônibus nesta terça-feira, 17,  caso contrario o Sindicato pagaria uma multa de R$ 100 mil, os rodoviários paralisaram e nenhum dos 1,4 mil ônibus de 220 linhas saíram das garagens nesta manhã deixando mais de 900 mil usuários sem transporte.

Segundo Rosinaldo Rocha, um dos diretores do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviários de Manaus (STTR), a paralisação só terminara se houver um acordo entre a categoria, Prefeitura, e Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram)

A reivindicação dos rodoviários é pelo pagamento do dissídio coletivo do ano passado e também o pagamento de insalubridade que já ganhamos na Justiça”.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *