Miss Bumbum: saiba como estão as vencedoras dos anos anteriores

Miss Bumbum: saiba como estão as vencedoras dos anos anteriores

O Miss Bumbum Brasil chega a sua sexta edição em 2016. Agora, além do concurso tradicional, que já tem como participantes Danny Morais, prima de Sabrina Boing Boing, e Jenny Miranda, filha de Gretchen, haverá a edição da terceira idade, com a ex-BBB Geralda.

Mas só no final do ano saberemos quem sairá do anonimato para a fama, como aconteceu com Andressa Urach, Dai Macedo, Indianara Carvalho, Suzy Cortez, entre outras beldades polêmicas reveladas pela competição.

Porém, o que mudou na vida dessas meninas que foram eleitas com o bumbum mais bonito do Brasil? Você lembra quem foi a primeira campeã, em 2011? O EGO foi atrás de todas as vencedoras que, sem exceção, não se arrependeram de ter participado do concurso. Relembre:

Rosana Ferreira, Miss Bumbum 2011: ‘Devia ter aproveitado mais as oportunidades’

Rosana Ferreira, em 2011 e atualmente: corpo ainda mais sarado (Foto: Divulgação // Reprodução Instagram)
Rosana Ferreira, em 2011 e atualmente: corpo ainda mais sarado (Foto: Divulgação // Reprodução Instagram)

A primeira Miss Bumbum do Brasil, em 2011, foi Rosana Ferreira. Na época, o concurso ainda não tinha tanta visibilidade, mas mesmo assim rendeu muitos ensaios – até em uma revista espanhola – para ela. “Eu sempre quis ser famosa. Fui capa de revista, fiz muitos programas de TV e tive oportunidades incríveis, como divulgar o concurso fora do Brasil”, lembra ela, que se arrepende de não ter aproveitado mais as oportunidades: “Era muito nova, hoje faria muita coisa diferente e para melhor”.

Atualmente, Rosana segue como dançarina e dedica o tempo livre à família – ela tem um filho de 4 anos. “Eu realizei outro sonho, o de ser mãe, tenho um filho lindo e ele é tudo na minha vida”, diz ela, que toparia voltar para o concurso: “Foi uma honra”.

Carine Felizardo, Miss Bumbum 2012: ‘Sinto falta das amizades, desavenças que fazem parte’

Carine Felizardo em 2012, quando foi Miss Bumbum, e em 2016, durante ensaio sensual (Foto: CO Assessoria/Divulgação // Ricardo Pimoli/Divulgação)
Carine Felizardo em 2012, quando foi Miss Bumbum, e em 2016, durante ensaio sensual (Foto: CO Assessoria/Divulgação // Ricardo Pimoli/Divulgação)

Ao contrário do que muitos pensam, não foi Andressa Urach quem venceu o Miss Bumbum 2012, – apesar de ser a participante mais conhecida até hoje do concurso. E sim Carine Felizardo que, mesmo assim, aproveitou o momento e até hoje é notícia. “Abriu portas para trabalhos, viagens, ensaios e aprendi a cuidar mais do meu corpo”, diz ela.

Hoje, Carine é casada, leva uma vida fitness e tem uma clínica de estética, mas vira e mexe faz um ensaio sensual, como o que posou de Marilyn Monroe. “Participaria novamente do Miss Bumbum se eu tivesse tempo. Sinto falta das amizades, desavenças que fazem parte do concurso”.

Dai Macedo, Miss Bumbum 2013: ‘A beleza acaba e o conteúdo fica’

Dai Macedo no Miss Bumbum 2013 e atualmente (Foto: Iwi Onodera/EGO // Thais Aline / Ag Fio Condutor)
Dai Macedo no Miss Bumbum 2013 e atualmente (Foto: Iwi Onodera/EGO // Thais Aline / Ag Fio Condutor)

Apesar de não ter se arrependido de se tornar a Miss Bumbum 2013, Dai Macedo não viu só o lado bom do concurso e resolveu mudar. “Não havia conquistado ainda o respeito e carinho das pessoas. Era muito julgada pelo meu corpo, achavam que eu não tinha conteúdo. Decidi cuidar da minha imagem. Fiz um curso de apresentadora e de teatro”, conta ela, que também tem um canal com dicas fitness na internet: “Conquistei a visibilidade e carinho do público feminino, que era meu objetivo no começo e que a competição não conseguiu me dar”.

Dai se difere das campeãs anteriores e fala que não repetiria a participação no Miss Bumbum. “Não me arrependo, vejo com um aprendizado. Mas tentaria entrar na mídia de outra forma”, comenta ela, que dá uma dica às concorrentes deste ano: “Aproveitem bastante a visibilidade e as oportunidades, mas que se preparem para o futuro estudando e se aprimorando, porque a beleza um dia acaba e o conteúdo fica”.

Indianara Carvalho, 2014: ‘Representar o ideal feminino no plano sensual é algo muito satisfatório’

Indianara Carvalho no Miss Bumbum 2014, e em maio de 2016: visual mais clean (Foto: Iwi Onodera/EGO // Reprodução Instagram)
Indianara Carvalho no Miss Bumbum 2014, e em maio de 2016: visual mais clean (Foto: Iwi Onodera/EGO // Reprodução Instagram)

Indiana Carvalho, a Miss Bumbum 2014, tem muito orgulho de seu título. “Sair campeã de um concurso nacional e ainda representar um indivíduo notório que simboliza o ideal feminino no plano da sensualidade e da sexualidade no Brasil é algo muito satisfatório pra mim”, filosofa ela, que em breve pode ser colega do pessoal da redação do EGO: “No próximo semestre reinicio meu curso de jornalismo e pretendo seguir nessa área”

E quem sabe Indianara não concorre, num futuro distante, ao Miss Bumbum Terceira Idade? “Achei uma jogada de mestre essa edição. Muitas mulheres estão mantendo a boa forma após os 50 anos de idade, então por que não aproveitar? Tudo é valido. Só que espero que o bom senso nestas horas fale mais alto, sem exceções as participantes tem que ter o corpo e, principalmente, o bumbum bem bonito”.

Suzy Cortez, 2015: ‘Ninguém fica famosa sem talento’

Suzy Cortez, em 2015 no Miss Bumbum, e em abril de 2016: segue sensualizando (Foto: Leo Franco /Marcelo Brammer/Studio Brammer)
Suzy Cortez, em 2015 no Miss Bumbum, e em abril de 2016: segue sensualizando (Foto: Leo Franco /Marcelo Brammer/Studio Brammer)

Suzy Cortez, a Miss Bumbum 2015, é conhecida internacionalmente. Morando em Londres, ela jáparticipou de programas chineses, um reality show em Portugal e até virou notícia no “TMZ” ao marcar o jogador Gerard Piqué – marido de Shakira – em fotos sensuais. “Sinto que aqui sou vista como algo bacana de explorarem, além do corpo. No Brasil eles recriminam muito quem trabalha com sensualidade, aqui na Europa é mais tranquilo e mais rentável. As propostas são valorizadas”, explica ela.

A modelo não participaria novamente do concurso porque “não faria o menor sentido disputar título com desconhecidas que estão buscando seu lugar ao sol”, mas deu algumas dicas às candidatas deste ano. “Treinem bastante e se alimentem corretamente para ficar com o bumbum bonito e empinado igual ao meu, afinal sou a atual campeã. E tentem ser o mais original possível, ninguém fica famosa sem talento nenhum”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *