Prefeitura começa a planejar reordenamento de serviços de acolhimento de crianças e adolescentes

Prefeitura começa a planejar reordenamento de serviços de acolhimento de crianças e adolescentes

A Prefeitura de Manaus está discutindo medidas para o reordenamento dos serviços de acolhimento institucional. Na tarde desta terça-feira, 13, representantes da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Direitos Humanos (Semmasdh) se reuniram com membros do poder judiciário, instituições privadas e não governamentais da rede de acolhimento de crianças e adolescentes para traçar planos e novas medidas.

A reunião propôs a criação de um grupo de trabalho, que vai implantar, de maneira estratégica, uma nova ordem nos espaços de acolhimento, seguindo as orientações técnicas e resoluções nacionais do Conselho de Assistência.

Dentre as medidas, está uma nova configuração na estrutura dos espaços, o acesso a recursos humanos, gestão dos serviços quanto à responsabilidade do município e mudança na metodologia do atendimento. Tudo isso atendendo a rede pública e privada.

Conforme a chefe de assistência técnica e vigilância socioassistencial da Semmasdh, Luciete Palheta, as mudanças também atenderão a prioridade do convívio familiar. “A família é a unidade básica da ação social. As crianças e adolescentes não podem ser desvinculadas do seu contexto familiar e comunitário. Com esse reordenamento, vamos qualificar cada vez mais o processo de atendimento da população”, explicou.

O prazo para compor todo o processo é até dezembro de 2017. As etapas passam por apresentação ao Ministério Público e monitoramento pelo Estado, que vai identificar os avanços do Município, até garantir recursos do Governo Federal. Hoje, o Município possui uma unidade pública que atende ao serviço, o Saica, que se une a mais nove instituições da rede privada ofertadas pelas entidades não governamentais.

Para a diretora do Lar Batista Janell Doyle, Magaly Araújo, caminhar junto ao município, dá a garantia de melhorias para os espaços. “Vamos dar um passo muito grande com essas adequações. Juntos, vamos conseguir fazer muitas melhorias no sistema e com certeza teremos mais qualidade no atendimento”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *