Seminário Florestal realizado em Humaitá pelo Ipaam divulga importância da identificação de espécies

Seminário Florestal realizado em Humaitá pelo Ipaam divulga importância da identificação de espécies

O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), realizou nos dias 24 e 25 deste de fevereiro, o Seminário Florestal do Amazonas (Seminflor), no município de Humaitá (distante 696 quilômetros em linha reta de Manaus).

O evento aconteceu no auditório da Prefeitura de Humaitá e teve como objetivo promover a troca de experiências e a divulgação da importância da identificação correta das espécies florestais madeireiras, junto ao setor florestal do sul do Estado.

De acordo com Aline Britto, analista ambiental do Ipaam, a ideia do Seminário surgiu por conta da demanda evidenciada durante cursos de capacitação que foram ministrados nos anos anteriores.

“Ao longo desses cursos percebemos que havia uma necessidade de uma troca de experiências entre os profissionais, tanto aqueles que atuam no campo da identificação no inventário florestal quanto os pesquisadores da área da botânica. Mas, empresários, engenheiros florestais, técnicos e funcionários de órgãos públicos que trabalham no meio ambiente também fazem parte do público”, disse.

A ação que foi organizada pelo Ipaam, contou com o apoio da Prefeitura de Humaitá, WWF-Brasil, Fundação de Amparo à Pesquisas do Estado do Amazonas (Fapeam), Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) e Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema).

Caíque Varella

Caíque Varella

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.