Sinésio Campos critica sugestão de ministro do STF para liberação das drogas

Sinésio Campos critica sugestão de ministro do STF para liberação das drogas

Comentando a fala do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Roberto Barroso, que defende a legalização das drogas como fórmula contra a crise no sistema prisional no país, o deputado Sinésio Campos (PT) fez crítica à sugestão do magistrado para uma questão tão polêmica. “Eu creio que o caminho principal não é liberar as drogas, principalmente a cocaína e a maconha, mas ter investimentos na área da educação”, defendeu.

Falando da tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), durante o Pequeno Expediente desta quinta-feira (2), Sinésio disse que lhe causa estranheza a forma como se coloca a legalização pura e simples das drogas para combater a crise nos presídios, que começou em Manaus no início do ano e se espalhou pelos demais Estados brasileiros.

Para o deputado Sinésio Campos, a alegação do ministro que é uma forma de quebrar o poder do tráfico, uma vez que o que dá poder ao tráfico é a atração pela ilegalidade, não justifica essa proposta. “Há mais de 30 anos Darcy Ribeiro falava que se não tivesse investimentos na educação, faltaria dinheiro para construir presídio”, disse, acrescentando que “não é com essa fórmula mágica que o ministro apresenta que se vai resolver o problema”.

O deputado fez crítica ao governo do presidente Michel Temer, pela entrega do pré-sal para grupos norte americanos, como a petrolífera Shell, quando havia um compromisso do governo brasileiro de destinar parte dos recursos do pré-sal para investimentos na educação. “Hoje, com o desemprego galopante no país, se não tiver alternativa para o estudante e o jovem aprendiz, dando oportunidade para o cidadão ter um futuro, vai continuar a crise prisional”, concluiu.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *