Suspeito de estuprar enteada de 13 anos é preso após ser reconhecido e espancado; jovem foi obrigada a tatuar nome de padrasto

19 de dezembro de 2019 15:110 comentários

Foragido da polícia, o suspeito de estuprar sua própria enteada, de 13 anos, foi preso na noite desta quarta-feira (18), após ser reconhecido por populares e ser agredido. O caso aconteceu no interior do Amazonas, em Maués, a 276 km de Manaus. A menina, durante os cinco anos de abuso, chegou a ser obrigada a tatuar o nome do suspeito no braço.

O amazonense de 35 anos era procurado há um mês, desde quando o caso veio à tona. Na ocasião, a mãe da jovem foi presa por permitir que a filha fosse vítima dos abusos. Segundo a polícia, ela ofereceu a menina ao homem em troca de reatar o namoro entre os dois.

Deixe um comentário


%d blogueiros gostam disto: